Indicação e Riscos

O Tratamento Cirúrgico da Obesidade deve ser considerado nos casos em que o paciente permanece com IMC superior a 40 após 2 anos de tratamento clínico ( dietas, medicamentos, atividade física) sem sucesso. Quando o paciente possui IMC acima de 35 com presença de doenças associadas, a Cirurgia também pode ser indicada.

Os riscos desta cirurgia existem, como em qualquer outra cirurgia, com complicações simples e severas, com uma taxa de mortalidade em torno de 1%. A taxa de mortalidade dos obesos não operados é muito maior, sendo o dobro nos pacientes que aguardam a cirurgia, e de 6 a 12 vezes maior quando comparados a pessoas da mesma faixa etária.

Orientações para pacientes de outros estados

Confira todo procedimento pré e pós operatório